Enfermidades Bacerianas de Peixes

Enfermidades Bacerianas de Peixes

Eduardo Makoto Onaka

Resumen

Os notáveis êxitos obtidos na aqüicultura, tanto em países desenvolvidos como em países em via de desenvolvimento, tem demonstrado a grande importância das enfermidades das espécies cultivadas, muito mais relevante quando se trata de enfermidades infecciosas (Ceccarelli, 2002).

Estas enfermidades são um fator de singular importância, e que limita consideravelmente o potencial produtivo e a rentabilidade comercial da aqüicultura.

As bactérias são caracterizadas como microorganismos microscópicos que vivem e crescem naturalmente em todos os ambientes. Algumas delas desempenham papel importante no ciclo de nutrientes em todos os ecossistemas. Outras são encarregadas da produção de compostos necessários aos animais e as que serão mencionadas neste capítulo causam enfermidades em plantas e animais (Lasee, 1995).

Em um ecossistema balanceado, as bactérias e os animais (incluindo os peixes) podem viver em equilíbrio harmônico (Odum, 1988), o que geralmente não ocorre em um viveiro de piscicultura.

Texto completo:

VER PDF

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.